o Cousa

Partilhar com todos os Fãs dos desportos motorizados, a experiência dos meus 30 anos por dentro do automobilismo de competição em On line, na minha cadeira de rodas.

A minha foto
Nome:
Localização: Gondomar, Porto, Portugal

Tenho duas colaboradoras excelentes neste meu singelo BLOG. Uma é Fotógrafa minha esposa RL KIKAS A outra minha colaboradora a nível de TRATAMENTO DE IMAGENS é minha querida noiva SL Vivian Acosta Rivera As duas o muito obrigado

quarta-feira, março 12, 2008

BRUNO MAGALHÃES “IMPARAVEL”


Como grande fã dos rallys não poderia deixar de faltar á primeira prova Rally Torrié do novél CPR ( Campeonato Português de Rallys) a nova designação do campeonato nacional de rallys, emitida pela FPAK.
Em boa hora o fiz pois com uma lista de somente 29 inscritos as expectativas eram muito débeis, em relação á compettividade da mesma, mas estas mesmas expectativas saíram completamente goradas, e ainda bem, pois já a muito tempo que não se assistia a uma prova tão competitiva nas varias classes em disputa.
Em termos absolutos previa-se que Bruno Magalhães no Peugeot 207 S 2000 da Peugeot Sport Portugal Total ( A estriar um novo navegador Mário Castro) fosse o favorito á vitoria, vindo-se a confirmar a mesma,vencendo todas as Especiais, mas sem antes passar sérias dificuldades da parte da manha ou abrir as PE “ Provas Especiais” encontrando muita gravilha nos troços logo com grandes dificuldades de aderência, mas isso não o impediu de vencer em termos absolutos, mas com grande luta de Ze Pedro Fontes, quer de Bernardo Sousa.
No grupo N Bernardo Sousa no seu bem preparado Mitsubishi EVO IX da Red Bull foi extremamente competitivo vencendo o Grupo N e segundo á geral mas com uma grande luta com Fernando Peres em carro idêntico ate que a quebra do diferencial dianteiro do carro de Peres deitou tudo a perder.
José Pedro Fontes no Grand Punto S 2000 da Star&You Vodafone perdeu o segundo lugar devido á recusa do motor pegar a saída do ultimo Parque de Assistência sendo penalizado dez segundos, descendo ao ultimo lugar do pódium, no final não deixou de referir que tem que se contar com os Grupo N na face de terra.
Nas estreias Vítor Pascoal no seu Peugeot 207 S 2000 foi uma agradável surpresa entrando com redobrados cuidados ganhando mão ao carro na parte da manhã, andando mais a vontade na parte de tarde, vindo a vencendo a última especial e concluir no quarto lugar absoluto.
Na taça Diesel e Turismo ( Duas rodas motrizes ) Pedro Leal no Fiat Stilo Multiject dos Hotéis Real não deram hipóteses á concorrência, como já nos habituou, vencendo sem quaisquer contestação sobre Francisco Barros Leite no Seat Ibiza da BL Sport.
Quem não teve também concorrência foi Paulo Antunes o campeão em titulo, no Challenge Citroen C2 R2 Total vencendo e convencendo a Challenge. ( Parecendo de uma outra classe).
Em termos organizativos Fernando Baptista do Targa Club edializou uma prova notável, sendo elogiado por todos os concorrentes e público que compareceu em massa as classificativas de Vieira do Minho deste primeiro Rally 2008
Em competitividade ficou provado que por vezes a quantidade não é sinónimo de qualidade, pois as lutas entre classes foi uma constante de principio ao fim do rally, não havendo tempos mortos estando todos participantes sobre pressão competitiva um campeonato que se saúda para bem de todos nós amantes dos Rallys

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial